Digite sua busca

 

 

Notícias em destaque Política

Vereador é conduzido à sede da Polícia Federal, por desacato, durante operação contra propaganda eleitoral irregular

Após insultar servidores do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), que cumpriam fiscalização da 1ª blitz de propaganda irregular, um candidato a vereador foi conduzido à sede da Polícia Federal. Durante a fiscalização realizada por meio das Zonas Eleitorais responsáveis pelo Poder de Polícia (5ª, 11ª, 17ª ZEs), mais de 30 estandartes e outras irregularidades foram constatadas no roteiro estabelecido pelo Regional.

Após o fato ocorrido no canteiro central da Paralela, nas imediações de Pituaçu, o candidato a vereador foi conduzido, por determinação do juiz Mauricio Lima de Oliveira, à Superintendência da Polícia Federal (PF), no bairro do Itaigara. Ele foi enquadrado no Artigo 68 do Decreto-Lei 3.688/41 – (Lei de Contravenções Penais).

As vistorias começaram pela Avenida Paralela (sentido Aeroporto, na altura do bairro Imbuí), no antigo Bahia Café Hall (em frente à sede do TRE-BA), e na passarela de Pituaçu. Nesses locais, foram encontrados e recolhidos pela fiscalização mais de 30 estandartes de propaganda eleitoral irregular e “santinhos”.

Foto: Edno Zator/Uniso

    
 WhatsApp
 Baixe o aplicativo Sociedade Play
X