Digite sua busca

 

 

Bahia Eleições Entrevistas Notícias em destaque Política Salvador

“Zé Cocá foi um sujeito espetacular, corajoso e firme”, destacou ACM Neto

Em entrevista à Rádio Sociedade da Bahia, na manhã desta terça-feira (22), o ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (UB), falou sobre a sua pré-candidatura ao governo da Bahia e aproveitou para elogiar Zenildo Brandão Santana, mais conhecido como Zé Cocá, filiado ao Partido Progressista (PP), por ter romper aliança com o governador Rui Costa (PT).

Neto analisou o desembarque do PP da base do governo e a oficialização do apoio dos Petistas a sua pré-candidatura. Zé Cocá se elegeu prefeito de Jequié e presidente da União dos Prefeitos da Bahia com o apoio do governador Rui Costa. O petista, em contra-ataque, realizou agenda em municípios da região.

“Zé Coca foi um sujeito espetacular, corajoso, firme. Zé Coca é prefeito de Jequié, uma das cidades mais importantes da Bahia e presidente da União dos Prefeitos. Ele estava lá sentado à mesa, ao nosso lado, está firme nessa caminhada”, pontuou Neto.

Sobre a presença de prefeitos do PP em eventos do governador Rui Costa, o pré-candidato ao governo da Bahia diz ser normal por ser ato institucional.

“Zé Coca vai deixar de receber o governador? Não. Como, por exemplo, Sheila Lemos, prefeita de Vitória da Conquista, ou Elinaldo, prefeito de Camaçari. O Governador terá que ser recebido por qualquer prefeito, como eu recebi ele, como prefeito durante oito anos, como recebia a presidente Dilma, ela veio aqui várias vezes em Salvador, todas as vezes eu recebi ela. A política é assim, na hora de disputar o voto, na hora de fazer campanha, é outra coisa. Agora o prefeito tem que governar, tem que cuidar da vida dele, tem que cuidar da cidade dele”, destacou.

Foto: Anderson de Almeida / Rádio Sociedade

Tags:

Leia também